Cuidados com atletas cadeirantes


Todo cadeirante que se submete a sondagem vesical de alívio tem maior propensão a desenvolver infecção urinária baixa e alta (renal). Isto se deve à colonização bacteriana de um órgão normalmente estéril. A infecção do trato urinário a longo prazo leva a complicações vesicais (bexiga urinária) e renais, podendo acarretar insuficiência renal com necessidade de diálise. Em vigência de infecção urinária o potencial atlético cai em %% (REF), ficando indisposto, predisposto a lesões osteomusculares e complicações da própria infecção urinária. Os principais responsáveis por infecção urinária são: 1) Reutilização dos cateteres urinários 2) Tempo entre uma sondagem e outra maior que 04horas 3) Hidratação oral insuficiente 4) Sondagem vesical sem os devidos cuidados de higiene


Data de Publicação: 08/01/2018

Fonte: Comitê Paralímpico Brasileiro