Beth Gomes concorre a atleta do mês pelo Comitê Paralímpico das Américas


A atleta do atletismo Elizabeth Gomes concorre ao título de "Atleta do mês" de julho pelo Comitê Paralímpico das Américas (APC, em inglês), após ter batido dois recordes mundiais nas provas de arremesso de peso e de dardo, no Grand Prix de Berlim e de Paris, em julho. Ela também está concorrendo ao mesmo título pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês).



A atleta de 53 anos, natural de Santos, São Paulo, foi diagnosticada com esclerose múltipla em 1993, quando tinha 27 anos. De lá para cá, ela já passou pelo basquete em cadeira de rodas, fixando-se somente no atletismo em 2010, nos Jogos de Pequim. Após uma piora clínica em sua doença, em novembro de 2017, a atleta vem passando por adaptações, devido a uma lesão em seu lado esquerdo do corpo. 



Os outros atletas indicados são: Gustavo Fernandez, Argentina – tênis em cadeira de rodas; Claudia Romero, México – taekwondo; e Allysa Seely, EUA – triatlo. 



Confira o perfil dos indicados:



Gustavo Fernandez, Argentina, tênis em cadeira de rodas 



Chegou à final masculina em Wimbledon pelo segundo ano consecutivo e seguiu com título no Aberto da Bélgica pela quinta vez.



Elizabeth Gomes, Brasil, atletismo



Conquistou dois novos recordes mundiais, nas provas de arremesso de peso e de dardo, na classe F52, no Grand Prix de Berlim, duas semanas depois de ter quebrado o recorde no lançamento de disco, em Paris.



Claudia Romero, México, taekwondo



Conquistou uma vitória decisiva contra a peruana Leonor Espinoza Carranza, na categoria feminina K44 até 49kg, alcançando o seu segundo título em Panamericano. 



Allysa Seely, EUA, triatlo 



Continuou sua trajetória invicta, garantindo sua terceira medalha de ouro consecutiva, com mais de um minuto à frente, na etapa de Edmonton (Canadá) do World Series.



A votação estará disponível até o dia 14 de agosto, na página inicial do site do APC.



As indicações são compiladas a partir de submissões de Comitês Paralímpicos Nacionais (NPCs).



Os vencedores de 2018 são:



Janeiro – Fernando Fuentes, El Salvador, natação



Fevereiro – Brenna Huckaby, EUA, snowboard



Março – Cristian Ribeira, Brasil, esqui cross-country



Abril – Daniela Gimenez, Argentina, natação



Maio – Juan Carlos Garrido, Chile, halterofilismo



Junho – Francisca Mardones, Chile, atletismo



*Com informações do Comitê Paralímpico das Américas (APC, em inglês)



Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)


Data de Publicação: 07/08/2018

Fonte: Comitê Paralímpico Brasileiro