Câmara discute empregabilidade de pessoas com deficiência


Rio - A Comissão da Pessoa com Deficiência da Câmara de Vereadores realiza, na tarde desta sexta-feira, uma audiência pública para discutir a empregabilidade da pessoa com deficiência e seus desafios. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 45 milhões de pessoas possuem algum tipo de deficiência, quase 24% da população brasileira.



Porém, apenas 1% - das pessoas com deficiência - está empregadas, de acordo com a Relação Anual de Informações Sociais Rais de 2016. Na audiência, que acontece a partir das 14h, será abordada a efetividade do cumprimento das cotas previstas no artigo 93 da Lei 8.213/91, que garante de 2% à 5% de cargos de empresas com mais 100 funcionários a pessoas com deficiência.



A proposta do encontro é discutir quais são as maiores dificuldades impostas pelos empregadores para a contratação de pessoas com deficiência, além dos obstáculos de inserção ou reinserção no mercado de trabalho, e quais políticas públicas precisam ser implementadas para auxiliar o deficiente neste processo. 



A audiência será presidida pela vereadora Luciana Novaes, presidente da Comissão, e contará com a participação dos vereadores membros Professor Adalmir e Dr. Carlos Eduardo, além do Dr. Caio Souza, representante do Conselho da Pessoa com Deficiência da OAB, Naiara , consultora da RH 10, Dr. Marcio Aguiar, membro da Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão do Poder Judiciário, e representantes da Universidade Castelo Branco e Secretaria Municipal De Desenvolvimento, Emprego, Renda E Inovação.


Data de Publicação: 13/09/2018

Fonte: O Dia